Atma Jordão
Arte e Filosofia
Capa Meu Diário Textos Perfil Livro de Visitas Contato
Textos
Educação - O Educador
O papel da educador me parece uma operação de salvaguarda, visando resgatar um ente querido: a  Alma do aluno.

As vezes vejo como um trabalho arqueológico, cuja missão é caçar o tesouro que se encontra enterrado nas profundezas da psique humana.

Ou ainda um tratamento psicoterapêutico, onde o enfermo será tratado da amnésia até que volte a lembrar de quem é.

O educador para mim age como um mestre de arte cênicas, o qual concede ao aluno os instrumentos e o conhecimento para que ele mesmo seja capaz de extrair e esculpir da pedra bruta da sua personalidade, a Alma que jaz sepultada nela.

Na pratica penso o educador como aquele que opera um ritual iniciativo de passagem, onde o aluno neófito será levado a renascer como verdadeiro ser humano.

O professor é, portanto, uma espécie de bombeiro, pesquisador, mestre artesão, médico e sacerdote e sua missão é trazer a tona aquilo que o aluno já é, mas que se encontra adormecido: um anjo adormecido que perdeu suas asas e esqueceu seus poderes celestes, capaz de ver deus em todas as coisas e se relacionar com essas mesmas coisas a maneira dos deuses: pela virtude, pelo bem, pelo belo, pelo justo e verdadeiro.

Todo ser humano nasce mesquinho na superfície e divino na essência.
Cabe ao educador lapida-lo até certa medida para que o discípulo seja capaz de percorrer seu próprio caminho e reencontrar as suas asas.

Honremos o verdadeiro educador.
Atma Jordao
Enviado por Atma Jordao em 15/12/2020
Alterado em 15/12/2020
Comentários